Harry Potter and the Cursed Child de J.K Rowling, John T. e Jack T.

21:42


Após esperar vários anos por um oitavo livro da saga Harry Potter chega hoje a Portugal - e ao resto do mundo - a versão inglesa e original de Harry Potter and the Cursed Child. Um livro que surpreende e não desilude ! Superou a alta fasquia que lhe foi posta e esteve à altura dos seus antecessores demonstrando como a saga continua viva e original. 
É de realçar que esta é a versão dos ensaios e que se espera que ainda saia um livro com a versão definitiva da peça de teatro do West End que tem deslumbrado a critica.

SPOILERS 


Harry Potter and the Cursed Child é tudo o que um fã da saga poderia desejar. Acompanhamos a ida de Albus Severus Potter, filho mais novo de Harry e Ginny, para Hogwarts onde se torna amigo de Scorpius Malfoy e acaba por ser seleccionado para os Slytherin. No seu quarto ano em Hogwarts acaba por embarcar numa aventura que mudará o passado e o futuro.


Sentindo a pressão de ser um Potter e as expectativas que lhe são postas por todos vê-se numa missão para descobrir quem realmente é, um fardo que acabará por conduzir a trama ao longo de mais de 300 páginas cheias de acção e bom humor.
Scorpius, Albus, Draco e Harry roubaram o livro; especialmente Scorpius que provou ter o seu lugar assegurado no coração dos fãs de Harry Potter. 


Ser um Malfoy depois da Batalha de Hogwarts torna-se uma tarefa difícil e pesada - muito mais quando se é acusado de ser filho do próprio Voldemort - para um rapaz de onze anos contudo Scorpius consegue ver o lado bom de tudo e não deixa que isso enegreça a sua alma, escolhendo o que está certo. Um Slytherin de bom coração. 
Albus tem muito de Harry em si, mas, também de alguém que nasce sob pressão de ser filho de Harry Potter o que o tornará no que é, e em fazer o que faz. Após perceber os seus erros e como podia estar a ser egoísta, perante nomeadamente Scorpius que inclusive perdeu a sua mãe, há uma reviravolta - um crescimento - na personagem. 


Ron também é hilariante e faz-nos dar umas boas gargalhadas. Hermione, bem é Hermione, quem mais poderia ser Ministro da Magia ?

O livro teve definitivamente momentos de abrir a boca e atirar tudo pelos ares. Quando Dolores Umbridge reaparece como Directora de Hogwarts houve toda uma onda de sentimentos nostálgicos de ódio pela velha sapa rosa. Um dos momentos altos foi o reaparecimento de Severus Snape, como ele reage a tudo e um ponto final como sempre foram boas as suas intenções.


Quando se descobre a filha de Bellatrix e Aquele-Cujo-Nome-Não-Deve-Ser-Pronunciado nem se quer acreditar mas como a história dela é deixada podemos esperar uma continuação - esperemos - é toda uma nova trama a explorar.

Um livro que nos faz viajar de novo pelos campos de Hogwarts e recordar algumas das nossas personagens favoritas. Li-o com prazer e nostalgia. Para qualquer idade. Para todos os fãs. Aconselho a todos aqueles que viveram neste mundo mágico por diversos anos e que gostariam de saber o que aconteceu a todos. A todos aqueles que sentem magia dentro deles e a todos os muggles que adoram ler.
Bem, transgressão terminada.
Se já leste diz o que achaste nos comentários.
Até lá, Nox.



You Might Also Like

0 comentários

Afiliado

Membro

Professional Reader