Democracia de Papadatos, Kawa e Di Donna

20:56


A brilhante combinação entre História e a banda desenhada!
Completamente instrutivo Democracia começa na véspera da famosa batalha de Maratona em 490 a.C com a história de um rapaz que vai contando aos seus companheiros a sua vida em Atenas e nomeadamente a vida política na cidade. 


Extremamente inteligente pega numa história de ficção para contar a História complexa de Atenas durante este século. Com um traço simples mas extremamente cinematográfico, o livro vê-se impossível de largar. Uma leitura para ser pensada! A forte narrativa é também ela um alto do livro, diferente da maioria de livros do género que contam a história da antiguidade clássica, Democracia vai deleitar todos aqueles que gostam e conhecem esta parte da História mas também todos aqueles que não conhecem fazendo com que fiquem rendidos!


Com certeza um dos livros que irá ficar na História da BD fazendo colidir o moderno e o clássico! A personagem principal, Leandro, é frágil mas forte quando é preciso, fazendo o leitor criar uma certa compaixão por ela e acabando por torcer para que tudo corra bem. O seu pai sábio, vai colocando questões ao leitor bem como fazendo ver como funcionava na realidade o sistema político ateniense. Por exemplo quando diz: A máscara do actor serve para te ajudar a ver quem é suposto ele ser. As máscaras das pessoas servem para as disfarçar.



Uma história que me irá acompanhar por bastante tempo. Democracia é um complexo conjunto do qual qualquer amante de História e de banda desenhada irá desfrutar a 100%. Recomendo a todos aqueles que acham que as BD's não são cultura e claro a todos os amantes de uma óptima história.


You Might Also Like

0 comentários

Afiliado

Membro

Professional Reader